Revele a Beleza do Pavão


Todas as cartas aqui colocadas, foram retiradas por mim, para meu conhecimento e aprendizado e as divido com vocês. Sintam-se à vontade para comentar se você passa por este momento também. Att. Fabiana Silva

A beleza do pavão é estonteante, com incrível exuberância de cores revelando-se em uma exibição graciosa e magnífica. Você também possui grande beleza. Dentro de você, como seu direito divino, habita um ser glorioso e divino de bela luz, com habilidade para criar. A Beleza do Pavão fala a você da elevação de suas energias criativas a novos níveis de sublimidade e inspiração quando você acessa o poder de seu chacra laríngeo para a criação superior. Suas intenções, decisões e particularmente suas palavras estão ficando mais poderosas. Desfrute do uso sábio dessa crescente potência criativa para expressar a beleza de seu interior, pedindo Bênção Divina a todos os seus planos, projetos e palavras.


A Beleza do Pavão é capaz de silenciar-nos com Sua pura magnificência, lembrando-nos do poder da beleza genuína para nos trazer paz e harmonia interior. Existe um impulso em seu interior para criar maior beleza em sua vida, para honrar habilidade criativa que você tem de expressar os sublimes sentimentos que habitam seu interior.



À medida que a Alma cresce espiritualmente, as energias criativas começam a elevar-se do chacra sacro, localizado nos quadris e na pélvis, para o chacra laríngeo, onde elas podem ser traduzidas em som e se manifestar. O que antes teria sido uma forma mais instintiva de criatividade, bela a seu modo, torna-se inspirada e sublime, acrescentando profundidade e energia de cura às suas expressões criativas. Você pode começar a criar beleza divina por meio de suas palavras e ações. Você se torna uma força curativa ativa na produção de beleza divina em seu mundo.


À medida que o poder do chacra laríngeo aumenta, nosso impulso de nos expressarmos de uma forma criativa singular pode tornar-se intenso. Essa criatividade é a voz da Alma desejando manifestar-se no mundo físico. O poder de sua Alma está começando a fluir em suas palavras e planos. O melhor modo de usar esse poder com sabedoria é decidir que aquilo que você fala, escolhe fazer ou pretende criar estará em harmonia com a beleza divina presente em seu coração. A Beleza do Pavão, Kuan Yin em sua expressão graciosa, exorta-o a seguir aquilo que é verdadeiramente belo em seu coração e saber que isso trará mais livremente harmonia para seu interior e para o mundo.


Este oráculo também indica que qualquer projeto, plano ou propósito que você vem contemplando está alinhado com a criatividade mais elevada de sua Alma. Não se preocupe se os detalhes não estiverem se desenrolando como você imaginou que o fariam. É sempre prudente ter clareza em suas intenções e abandonar os detalhes ao Universo, de modo que possam desdobrar-se de acordo com uma visão maior que a nossa. Tudo o que você precisa fazer é ter fé e seguir sua intuição para dar os passos que você sentir que são inspirados pelo coração e ter paciência e confiança em si mesmo e no Universo.


Kuan Yin, a divina Beleza do Pavão, abençoa-o neste momento com sua compaixão e graça, ajudando-o a abandonar o medo ou a dúvida com relação a sua própria habilidade de criar, seja na forma de música, escrita, cura, um corpo mais saudável ou uma mente mais clara. Esses desejos dentro de você já estão em processo de criação. Não desista, mas deixe fluir. Permita que a beleza em seu interior encontre sua expressão neste instante. Está na hora de sua beleza interior brilhar.


Uma Cura para Revelar a Beleza do Pavão


Sente-se em silêncio e respire, fechando os olhos e concentrando-se em seu chacra sacro, fica abaixo do umbigo, em sua pélvis. Imagine que existe ali um fulgor cálido de luz interior, de irradiação dourada e brilhante. Lentamente, à medida que você se concentra nessa luz suave e em sua respiração, ela começa a elevar-se até o chacra laríngeo, o centro energético situado no centro da garganta. Basta imaginar que isso acontece naturalmente e com suavidade enquanto percebe o calor em seu baixo-ventre. Ao sentir algum calor em seu corpo, acumulando-se no chacra laríngeo, ou quando sentir-se pronto, diga claramente: " Agora peço a bênção divina para ativar minha criatividade mais elevada - que meus planos, projetos e palavras sejam sublimes, repletos de cura e ímpares em beleza. Que meu fluxo criativo seja abençoado com amor divino. Pela graça de Kuan Yin e de meu próprio livre-arbítrio, permito que minha beleza interior seja revelada neste instante. Que assim seja!


Imagine que a energia e a luz entre seu umbigo e sua garganta unem-se no centro de seu corpo, onde começam a abrir-se em leque, como duas caudas de pavão totalmente abertas, formando um estonteante leque circular de plumas de um dourado magnífico, de um azul e iridescente, verde e roxo. Imagine esse leque girando no centro de seu corpo até que se torne um borrão de deslumbrante luz irradiando em todas as direções.


Diga: " Escolho revelar a beleza do pavão, a glória de minha criatividade superior em total esplendor - que assim seja!"


Quando estiver preparado, abra os olhos.


Oração à Beleza do Pavão


Amada Kuan Yin, abençoa-me com a graça de render-me à beleza de minha própria Alma, de reconhecer minha criatividade superior em fluxo neste momento, de tornar as criações de minha Alma minha maior prioridade; que eu possa viver com abundância, paz e felicidade. Ajuda-me, amada beleza, a reconhecer minha própria beleza, tão magnífica e colorida como o estonteante pavão. Que minhas criações sejam assim adoráveis. Om Mani Padme Hum.

29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo